Trabalhadoras do campo no semiárido baiano: o impacto da sua renda na qualidade de vida da família extensa

Autores

  • Lucia Marisy Souza Ribeiro de Oliveira
  • Andrews Rafael Bruno de Araujo Cunha
  • Victor Thomas Marques

DOI:

https://doi.org/10.46269/1112.440

Resumo

A partir da década de setenta, as transformações ocorridas na região do submédio São Francisco com a implantação dos projetos de irrigação nos municípios de Juazeiro – Bahia e Petrolina – Pernambuco, favoreceram o ingresso da mulher do campo no mercado de trabalho assalariado, trazendo modificações na composição interna da força de trabalho, o que motivou esse estudo para avaliar o impacto dos recursos injetados na família a partir dessa realidade para a qualidade de vida dos seus membros. A pesquisa de natureza quanti-qualitativa foi  realizada  no  município  de  Juazeiro  nos  projetos  irrigados  Mandacarú  e  Maniçoba  e  nos distritos Massaroca e Vale do Salitre.

Publicado

2020-05-03

Edição

Seção

Artigos