A dependência como metáfora

Autores

  • Matheus Caracho Nunes Unicamp

DOI:

https://doi.org/10.46269/8219.427

Palavras-chave:

Dependência Química, Hepatite C, Drogas, Política Nacional Sobre Drogas, Comunidades Terapêuticas

Resumo

Neste ensaio trago algumas cenas de minha história pessoal e reflito sobre elas a partir de anos de pesquisa em Comunidades Terapêuticas e em políticas sobre drogas. Cercada de mitos e estigmas atribuídos aos indivíduos, a dependência se torna uma metáfora. Apoiada no paradigma proibicionista, essa visão historicamente esteve na base da Política Nacional Sobre Drogas e atualmente emerge com grande força.

Referências

BRASIL, Lei Nº 13.840 de 5 de junho de 2019. Diário Oficial da União seção 1, Brasília, DF. 2019.

BRASIL, Lei Nº 10.216 de 6 de abril de 2001. Dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas portadoras de transtornos mentais e redireciona o modelo assistencial em saúde mental. Diário Oficial da União seção 1, Brasília, DF. 2001.

CHO, Grace M. Haunting the Korean diaspora: shame, secrecy, and the forgotten war. University of Minnesota Press, 2008.

FIORE, Maurício. Uso de “drogas”: controvérsias médicas e debate público. Campinas, Ed. Mercado de Letras/Fapesp, 2007.

_____________. Uso de drogas: substâncias, sujeitos e eventos. 2013. Tese (doutorado). Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Campinas, 2013.

FRASER, Suzanne. O futuro da “dependência”: crítica e composição (tradução). Platô Drogas e Políticas. v.1 n.1. Revista da Plataforma Brasileira de Políticas Sobre Drogas. Setembro 2017.

GUIA INTRODUTÓRIO PARA NARCÓTICOS ANÔNIMOS. Os Doze Passos e as Doze Tradições reimpressos e adaptados com autorização de AA World Services, Inc. Narcotics Anonymous World Services. 1996.

GOFFMAN, E. Estigma: Notas sobre a manipulação da identidade deteriorada. Rio de Janeiro, LTC, 1988.

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA. IPEA. Nota Técnica. Perfil das Comunidades Terapêuticas Brasileiras. n. 21, mar. 2017.

POLICARPO, Frederico. O consumo de drogas e seus controles: uma perspectiva comparada entre as cidades do Rio de Janeiro, Brasil e de San Francisco. EUA. Rio de Janeiro, Consequência Editora, 2016.

SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE. Ministério da Saúde. Boletim Epidemiológico – Hepatites Virais. Volume 50 Nº 17 Jul. 2019.

SONTAG, Susan. A Doença como metáfora. Rio de Janeiro. Edições Graal, 1984.

Publicado

2020-08-24