"As travestis também choram": corpos que deslocam, vidas que resistem

Autores

  • Marlyson Junio Alvarenga Pereira

Resumo

Este artigo tem por objetivo problematizar um documentário francês “Les travestis pleurent aussi” (As travestis também choram) do cineasta Sebastiano d’Ayala Valva que narra o destino de travestis na França. O diretor ouviu suas histórias de dores, alegrias, encontros e desencontros. Da “Place de Clichy”, onde vivem muitas dessas travestis, o diretor trouxe suas tragédias como estrangeiras, prostitutas, transexuais. Assim problematizo neste trabalho esses corpos nas fronteiras. Fronteiras essas, do gênero e da sexualidade, da condição de imigrante ilegal, prostituta, pobre. E de um corpo que ultrapassa essa fronteira, que borra, que desfaz, que desloca, que desmonta. Pensando suas tragédias enquanto resistências ao poder.


Palavras-chave: Travestis; Corpo; Norma; Resistência; Monstro.

Referências

BUTLER, Judith. Corpos que pesam: sobre os limites discursivos do “sexo”. In: LOURO, G. L. (Org.). O corpo educado: pedagogias da sexualidade. Belo Horizonte: Autêntica, 2010. p. 153-172.

___________ Problemas de gênero: feminismo e subversão da identidade. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1993.

COHEN, Jeffrey Jerome. A cultura dos monstros: sete teses. In: SILVA, T. T. (Org.). Pedagogia dos monstros: os prazeres e os perigos da confusão de fronteiras. Belo Horizonte: Autêntica, 2000. p. 24-60.

DUQUE, Tiago. Montagens e Desmontagens: vergonha, estigma e desejo na construção das travestilidades na adolescência. São Carlos: Ufscar, 2009.

FOUCAULT, Michel. História da sexualidade I: a vontade de saber. Rio de Janeiro: Graal, 1988.

_________________. Microfisica do poder. 11. ed. Rio de Janeiro: Graal, 1994.

JUNQUEIRA, Rogério Diniz. Cotidiano escolar, heteronormatividade e homofobia: por uma ampliação dos horizontes pedagógicos, ou quem tem medo de novos olhares na escola? In: XAVIER FILHA, C. (Org.). Sexualidades, gêneros e diferenças na educação das infâncias. Campo Grande: Editora UFMS, 2012. p. 59-88.

KULICK, Don. Travesti: prostituição, sexo, gênero e cultura no Brasil. Rio de Janeiro: Fiocruz, 2008.

LEITE JUNIOR, Jorge. Das maravilhas e prodígios sexuais: a pornografia “bizarra” como entretenimento. São Paulo: Annablume, 2006.

_________________. Nossos corpos também mudam - a invenção das categorias “travesti” e “transexual” no discurso científico. São Paulo: Annablume/ FAPESP, 2011.

__________________. Transitar para onde? Monstruosidade, (des)patologização, (in)segurança social e identidades transgêneras. Revista de Estudos Feministas, Florianópolis, n. 20, p. 559-568, maio-agosto. 2012.

LOURO, Guacira Lopes. Um corpo estranho: ensaios sobre sexualidade e teoria queer. Belo Horizonte: Autêntica, 2008. .

MALUF, Sônia. Corporalidade e desejo: tudo sobre minha mãe e o gênero na margem. Revista Estudos Feministas, Florianópolis, n. 1, p. 541-543, ago./dez. 2002.

PEREIRA, Pedro Paulo Gomes. Queer decolonial: quando as teorias viajam. Contemporânea - Revista de Sociologia da UFSCar, p. 411, 2015.

PELUCIO, Larissa. Toda quebrada na plástica: corporalidade e construção de gênero entre travestis paulistas. Campos, Curitiba, n. 1, p. 97-112, 2005.

_______________. Traduções e torções ou o que se quer dizer quando dizemos queer no Brasil?. Periodicus, p. 15-39, 2014.

RODRIGUES, Carla. Butler e a desconstrução do gênero. Revista de Estudos Feministas, Florianópolis, n. 1, p. 179-199, jan./abr. 2005.

SOUZA, MARTHA HELENA TEIXEIRA DE ; MALVASI, Paulo ; SIGNORELLI, MARCOS CLAUDIO ; PEREIRA, Pedro Paulo Gomes . Violência e sofrimento social no itinerário de travestis de Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), p. 767-776, 2015.

Les Travestis Pleurent aussi. Direção : Sebastiano D’Ayala Valva. Filme-video. Produção de Laurent Segal e Sebastiano D’Ayala Valva. Paris: Kanari Films, 2006. Formato digital( 54 min), Son., color.

VILELA, Eugênia. Acontecimento e resistência: as palavras sem centro. In: KOHAN, W. (Org.). Foucault 80 anos. Rio de Janeiro: Autêntica, 2006. p. 107-127.

WEEKS, Jeffrey. O corpo e a sexualidade. In: LOURO, G. L. (Org.). O corpo educado: pedagogias da sexualidade. Belo Horizonte: Autêntica, 2010. p. 55-83.

Publicado

2019-11-23