Migração e Imigração Espanhola para o Brasil: Política, Demografia e Especificidades De Um Grupo Étnico

Autores

  • Vanessa Martins Dias Fundação Pró-Memória de São Carlos

DOI:

https://doi.org/10.46269/6217.256

Palavras-chave:

emigração, imigração

Resumo

O artigo faz uma análise acerca da imigração espanhola pra o Brasil, levando em consideração fatores de expulsão, que fizeram com que milhares de espanhóis deixassem seu país de origem e fatores de atração, como o subsídio da viagem por parte do governo brasileiro, por exemplo. Sob essa perspectiva, a análise abarca questões econômicas e demográficas que influenciaram a Espanha e o Brasil diante do ato de emigrar e imigrar.

Biografia do Autor

Vanessa Martins Dias, Fundação Pró-Memória de São Carlos

Mestre em História pela Unesp, com dissertação intitulada “Inserção às Avessas: a imigração espanhola em Franca (1900-1950)”. Atualmente é historiadora da Fundação Pró-Memória de São Carlos, atuando principalmente na pesquisa histórica e curadoria de exposições do Museu de São Carlos e do Museu de Pedra “Tinho Leopoldino”. Membro do Conselho Municipal de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Ambiental de São Carlos - COMDEPHAASC, do Conselho de Política de Acervo do Museu de São Carlos e Representante Regional do Sistema Estadual de Museus -SISEM

 

Referências

CÁNOVAS, Marília Klaumann. Hambre de Tierra: imigrantes espanhóis na cafeicultura (1880-1930). São Paulo: Lazuli Editora, 2005.

CORBACHO QUINTELA, Antón. Os periódicos dos imigrantes espanhóis. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE HISPANISTAS, 2., São Paulo, 2002.

DOMINGUEZ, Juliana Arantes. A imigração espanhola para São Paulo no pós-segunda guerra: registros da hospedaria dos imigrantes. Dissertação apresentada ao Departamento de Sociologia do IFCH – UNICAMP, 2004.

FALEIROS, Rogério Naques. Homens do café. Dissertação de mestrado apresentada ao Instituto de Economia da UNICAMP, 2002.

GONÇALVES, Paulo César. Mercadores de Braços: riqueza e acumulação na organização da emigração européia para o Novo Mundo. Tese de doutorado apresentada ao Programa de Pós-graduação da Universidade de São Paulo - FFLCH, 2008.

HOLLOWAY, Thomas H., Imigrantes para o café. São Paulo: Paz e Terra, 1984.

KLEIN, Herbert S. A imigração espanhola no Brasil. São Paulo: Editora Sumaré: FAPESP, 1994.

LEVY, Maria Stella Ferreira. O papel da migração internacional na evolução da população brasileira (1872-1972), Revista de Saúde Pública, São Paulo, 2009.

MARTINS, José de Souza. A imigração espanhola para o Brasil e a formação da força de trabalho na economia cafeeira: 1880-1930. Revista de História, São Paulo, nº 121, 1994.

MARTINEZ, Elda E. Gonzalez.. O Brasil como país de destino para os imigrantes espanhóis. p.239. In Fazer a América, Org. Boris Fausto, São Paulo: EDUSP, 1999.

RIBEIRO, Mariana Cardoso dos Santos. Imigração e expulsão: mecanismos para a seleção de estrangeiros no Brasil In Seminários, Arquivo do Estado: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2003.

SANCHEZ-ALBORNOZ, Nicolas. Españoles hacia América: la emigración em masa, 1880-1930.Alianza Editorial, S.A., Madrid, 1988.

SOUZA, Ismara Izepe. Espanhóis: história e engajamento. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2006.

Publicado

2018-02-27